Auditoria nas planilhas de custos da Empresas de Transporte Coletivo

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) acatou o pedido do Ministério Público de Contas (MPC) e irá fazer uma auditoria operacional nas planilhas de custos que embasam os aumentos das tarifas de ônibus da capital.

Na tarde de hoje, dia 13, os vereadores Pedro Ruas e Fernanda Melchionna estiveram no Tribunal de Contas do Estado para entregar uma cópia da Ação Pública elaborada pelo PSOL que pede na Justiça a anulação do último aumento da passagem.Aproveitando a ocasião, o Procurador Geral do MPC, Geraldo da Camino, entregou aos vereadores uma cópia da representação que ele havia protocolado junto ao TCE solicitando a auditoria operacional.

A representação possui mais de 40 páginas e aponta possíveis inconsistências nos valores de lubrificantes, pneus e combustível usados nas planilhas. Além disso, Geraldo da Camino não entende o motivo para a passagem, em 5 anos, aumentar 45,94% enquanto o IPCA apontou a inflação de 26,05% no mesmo período.

One thought on “Auditoria nas planilhas de custos da Empresas de Transporte Coletivo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s