Homenagem de Pai Cleon encerra em sua filiação no PSOL

Crédito da Imagem: Antonio Neto

O evento contou com a massiva participação dos filhos e filhas de religião de Pai Cleon, respeitados pais e mães de santo, bem com militantes e dirigentes do PSOL-RS. Cerca de 150 pessoas lotaram o auditório Ana Terra da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, na noite desta terça-feira, dia 1°/03, e testemunharam a filiação de Pai Cleon ao PSOL.

Pai Cleon, que organiza a casa de religião Reino de Oxalá e é colunista do jornal Diário Gaúcho, abriu sua fala pedindo “permissão e a benção” de seus orixás. Elogiou o PSOL com o partido que “dá a cara à tapa” pelas lutas de sua religião. Assinalou que sua entrada no partido era um gesto de agradecimento devido a intervenção do PSOL na defesa da Casa do Reino de Oxalá. O templo religioso que existe há 52 anos esteve ameaçado de ser destruído devido ao projeto da Prefeitura da capital de abrir uma avenida no local onde está a Casa. A audiência de Pai Cleon e do PSOL junta à Prefeitura surtiu resultado e o projeto foi modificado, preservando o espaço religioso. Pai Cleon ainda demonstrou profunda indignação com a discriminação de alguns veículos de comunicação com a Umbanda e seus cultos.

Pedro Ruas, vereador do PSOL, foi o organizador do ato, que teve na mesa a presença da ex-Deputada Federal Luciana Genro e do Presidente Estadual do PSOL Roberto Robaina, além do mais novo filiado. Ruas destacou o orgulho do partido por contar em suas fileiras com “o maior líder religioso do Estado”. Reafirmou o PSOL como partido não-religioso, marxista, compromissado com as lutas do povo trabalhador e que a criminalização das religiões africanistas ocorre por serem uma “religião do povo, que veio com os escravos, que valoriza o negro e a negra, que verdadeiramente não discrimina os homossexuais” e que estas identidades tem relação direta com as lutas do PSOL contra “qualquer tipo de discriminação”.

Luciana Genro e Roberto Robaina também saudaram a entrada do religioso, destacando que o PSOL preza por amplas liberdades democráticas, políticas e religiosas. Sob aplausos, Pai Cleon assinou a ficha de filiação que foi abonada por Pedro Ruas.

One thought on “Homenagem de Pai Cleon encerra em sua filiação no PSOL

  1. Saudações socialistas

    Eu sou o PAI GUIMARAES PSOL-SP, fiquei muito eliz pela parceria e entrada de mais um GUERREIRO DO AXÉ no PSOL. Mais ainda em saber que nosso partido segue firme na sua luta contra a injustiça e exclusão social promovida pela intolerancia religiosa e racismo.

    Estou tentando contado com LUCIANA GENRO para ela e os comapnheiros do PSOL-RS no maior evento das religiões de matriz Africana. vamos reunir mais de 3mil pessoas. Será 390 sacerdote.

    Ficamos aguardando o retorno eparabens a todos.
    PAI GUIMARAES
    (11)8323-9056 – 5599-4673
    falecom@paiguimaraes.com.br
    http://www.jornaldoaxe.com.br

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s