Demagogia sobre as escolas de turno integral

Vocês viram a matéria sobre escolas de turno integral publicada na Zero Hora de segunda-feira? Em época de campanha eleitoral é muito cômodo para os candidatos defender esse projeto. Mas os três candidatos cujos partidos já governaram estão sendo extremamente demagogos. Eles já tiveram a oportunidade de colocar o projeto em prática e não fizeram. Isso me lembra o que o Plínio de Arruda Sampaio disse no debate entre os presidenciáveis: todos aqui vieram dizer que vão fazer o bem e não fazer o mal, mas nós não queremos falsas promessas.

Segue a resposta da coordenadora do progama do PSOL Fernanda Melchionna para a Zero Hora e o post que eu publiquei aqui no blog há algumas semanas sobre o mesmo assunto:

Gostaria de registrar minha surpresa e minha indignação em relação ao posicionamento dos candidatos ao governo do Estado quanto à construção de escolas de turno integral no Rio Grande do Sul, uma vez que tanto o PT, o PMDB e o PSDB, respectivamente, governaram o Estado nos últimos 12 anos. Soa como demagogia eleitoral as promessas de implementação destas escolas por parte daqueles que tiveram a oportunidade de fazer e não o fizeram.

Quantas escolas de turno integral foram construídas no governo Olívio, no governo Rigottto que o PDT detinha a pasta da educação e nos últimos 3 anos e 8 meses do governo Yeda? Nenhuma, nem uma sequer.

Como coordenadora do programa do Pedro Ruas, afirmo que temos o compromisso com a proposta de Darci Ribeiro e Leonel Brizola, colocando inclusive de onde sairá o recurso!

Aliás, eu duvido que algum desses partidos tenha registrado essa proposta no TRE, como fez o PSOL.

Um abraço,

Fernanda Melchionna

Fiquei indignado com a promessa que Yeda Crusius fez no final de semana. Yeda disse que se fosse reeleita faria turno integral nas escolas estaduais.  Mas porque ela não fez isso durante seus quatro anos de governo?  Será que ela está pensando em fazer turno integral nas escolas de lata?

Governadora, a senhora que entrou com uma ação direta de inconstitucionalidade no STJ para não pagar nem o PISO salarial nacional para os professores quer vir falar de escola de turno integral. Francamente!

Me indigno ainda com Fogaça e Tarso Genro. Eles também já tiveram a oportunidade de colocar o projeto em prática e nunca fizeram. Agora, demagogicamente, voltam a defendê-lo.  Nós somos o único partido que quer implementar as escolas em turno integral nos moldes pensado por Darcy Ribeiro e implementadas, no Rio de Janeiro, pelo então governador Leonel Brizola. Isso é um compromisso, e consta no nosso programa.

Forte abraço!

Pedro Ruas

4 thoughts on “Demagogia sobre as escolas de turno integral

  1. é isso ai Fernanda. Por mais incrivel que pareça, O PSOL esta levando a diante uma bandeira de Leonel Brizola. Coisas boas devem seguir sempre. Lembro que na época de Olívio havia uma discussão sobre isso. Era um tema delicado. Quanta a Senhora Yeda, seu pensamento sobre educação esta centrado não nas escolas pública mas nas particulares. Enquanto inúmeros alunos estudavam em escolas de lata, seus netos estudavam e estudam no Colégio Leonardo da Vinci.

  2. Rudi Braga

    Somos Plínio e Ruas. Esperamos que vocês como no Item 24 da III Conferência Eleitoral do PSOL defendam as Rádios Comunitárias, que continuam debaixo do tacão da ditadura da Comunicação da era “Lula”. Queremos liberdade!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s